Tag Archives: Enchente em Blumenau

Como evitar a leptospirose? Veja aqui as medidas preventivas e sintomas.

30 nov

Li há pouco, que, segundo dados da Secretaria de Saúde de Santa Catarina, existe a suspeita de 11 casos de leptospirose no estado. A leptospirose é uma doença causada por uma bactéria, que afeta seres humanos e animais, e tem sua propagação favorecida em ambientes de inundação e enchentes – principalmente pelo contato com lama ou água contaminada por urina de animais infectados, ou pela ingestão de alimentos ou água contaminados.

Em raras vezes, a doença pode evoluir para um quadro fatal. Como os sintomas são diversos (febre alta, fortes cefaléias, calafrios, dores musculares, vômitos, entre outros) e coincidem com os de diversas outras doenças (dengue, febre amarela, malária, hepatite), pode ser difícil o diagnóstico inicial.

Achei ótimas dicas e “Recomendações para áreas com risco de transmissão de leptospirose” , no site do “Cives Centro de Informação em Saúde para Viajantes” da UFRJ. Continue lendo

Doações para a população de Santa Catarina – Cuidado com falsos e-mails. Veja aqui relação oficial de postos de arrecadação de doações e outras formas de ajudar.

27 nov

Continue lendo

Filtros “faça você mesmo” – desinfecção de água em situações emergenciais – enchente SC

25 nov

Li há pouco que a previsão atual para a regularização no abastecimento de água potável na cidade de Blumenau seria de aproximadamente 15 dias. Outras cidades como Jaraguá do Sul, a vizinha Gaspar, Brusque, Ilhota, entre outras, lamentam as mortes e grandes prejuízos causados pelas chuvas.

Há dificuldades e interrupções nas redes elétricas e de abastecimento de gás. Ou seja, infelizmente, algo próximo ao caos, inclusive com a população saqueando supermercados (em busca de provisões) e inflação no preço de combustíveis e até mesmo da água potável, que estaria custando, segundo relatam moradores, cerca de R$20,00 o galão.

Vou deixar os filtros estrangeiros (como o lifestraw) e outras coisas menos tangíveis para um outro post, pois entendo que a situação demanda respostas que possam, inclusive, serem improvisadas.

Assim, seguem algumas idéias e soluções, como o Método SODIS, que já postei anteriormente e que poderiam ser utilizadas em benefício das pessoas afetadas pela falta de água potável:

Continue lendo

%d blogueiros gostam disto: